Dicas de manutenção ocasional para trompetes
Dicas de manutenção ocasional para trompetes

Segue abaixo a nomenclatura do trompete para vocês poderem entender passo a passo os termos técnicos.


Manutenção dos pistos e camisas de pisto

Os pistos dos trompetes são projetados com muito pouca folga entre o pistão e a camisa do pisto e por isto, o manuseio dever ser feito com muito cuidado. Enrole a haste de limpeza com uma flanela sem deixar nenhuma parte metálica exposta

 

*Partes metálicas expostas podem resultar em danos para o pisto e para a camisa do pisto.

2. Remova a sujeira da camisa de pisto.


3. Remova toda a sujeira do pisto.


4. Recoloque o pisto na camisa de pisto correspondente.

Após confirmar que o número do pisto corresponde ao número da camisa de pisto, cuidadosamente recoloque o pisto na camisa de pisto com a numeração voltada na direção do bocal do instrumento. Não gire o pisto depois que ele estiver dentro da camisa de pisto.


5. Aplique óleo de pisto


*Não aplique óleo demasiadamente.

*Se o ar não passar quando o pisto estiver abaixado, o pisto pode ter sido colocado na camisa errada, verifique se a numeração do pisto corresponde a impressa na camisa do Pisto


O pisto é a parte mais importante do trompete.

Nunca manuseie o pisto com grosso modo, não deixe cair, etc. Se o pisto for danificado, nunca devolva o pisto a camisa de pisto pois o problema pode se agravar danificando a camisa do pisto também.

Se você tiver qualquer problema com os pistos não tente resolver em casa entre em contato com uma assistência técnica especializada para não correr o risco de piorar a situação.